Welcome



INICIO
EDITORAS PARCEIRAS
BLOGS PARCEIROS
BOOKLIST
LINK-ME
SELINHOS
CONTATO

30 março 2013

Caixinha dos Correios #14


Olá meus amores.
Dia 17/02 ocorreu o primeiro Encontro AR Fortaleza do ano e acabei que nem postei os livros que ganhei rs.
Vamos conferir? 




Esses dois foram dados pela Mariana. Ela tirou da bolsa e colocou na mesa dizendo assim: " Pra quem quiser. " rs. Acho que ela colocou uns 10 na mesa, se não me engano.





Esses quatro livros ganhei novamente da minha amiga Anne Viana. Adorei!


Todos juntos:



Até a próxima.
Beijos.

Encontro AR Fortaleza #02


Oi meus amores.
Dia 24/03 aconteceu mais um Encontro do AR Fortaleza no Shopping Benfica.
Lá fizeram o Amigo Doce que acabei não participando, mas foi muito divertido.
Vamos conferir algumas fotos?


 Ficamos esperando algumas meninas chegarem pra começar o Amigo Doce. Enquanto isso conversavamos sobre o que mais gostamos: Livros.

 A Alexandrina começou o Amigo Doce e como sempre foi risada pra todo lado.


 Minha veinha veio pela primeira vez ao Encontro, para conhecer as meninas e se divertir.

Todas juntas depois do termino do encontro. Sempre que nos juntamos e diversão na certa e o encontro se torna memorável!


Até a próxima.
Beijos.

25 março 2013

Resenha #76 - A Hora Sombria - Série KGI - Maya Banks



Título: A Hora Sombria – Série KGI
Autora: Maya Banks
Editora: Berkley
Número de Páginas: 304

Sinopse:

“Já se passou um ano desde que o ex-SEAL Ethan Kelly viu, sua esposa Rachel, viva, pela última vez. Dominado pela dor e pela culpa por seus fracassos como marido, Ethan se afasta de tudo e de todos.
Seus irmãos tentaram trazer Ethan para a KGI, tentando penetrar as barreiras que ele construiu ao redor de si, mas Ethan se recusa a responder… até que recebe uma informação anônima dizendo que Rachel está viva.
Para salvá-la, Ethan terá de enfrentar balas, atravessar uma selva e se arriscar a ser preso por um perigoso cartel de drogas que o ameaça de morte. E, mesmo que seja bem sucedido, ele terá de forçar Rachel a recuperar memórias que ela não quer reviver – cada minuto de terror de sua hora mais sombria – porque o amor e a vida deles podem depender disso.”


Resenha

Ethan Kelly é um ex da Marinha, que possui 5 irmãos e 3 deles formam a KGI (Sam, Garrett e o Donovan).
Um homem completamente atormentado pela perda de sua mulher, Rachel.  Com a morte dela, Ethan não se perdoava e definhava dentro de casa a cada dia, se afastando de sua família que tanto o ama.
A culpa e ressentimentos cairão com tudo nos dias que virão ao decorrer de sua vida.
Os erros que cometeu com ela, o desprezo e a tristeza que via nos olhos dela não o deixaria em paz. Uma chance. Somente uma chance. Era tudo o que Ethan queria e implorava a Deus.
Uma chance para recuperar sua esposa, seu amor, sua vida feliz e seu casamento.
No dia do aniversário de sua morte, Ethan recebe um envelope com a sua tão sonhada e esperada segunda chance.


Durante a leitura me deparei com a forma que a autora descreveu toda a “readaptação conjugal” de Ethan e Rachel, a superação que os dois iriam ter que buscar um no outro.
Confiança e novamente deixar o amor superar tudo.
No final tudo começa a se encaixar de uma forma que vai se resolvendo com o tempo.
Gostei muito dessa estória porque não porque não é somente contada ou centrada no casal principal ou em um vilão. Envolve todos os Kelly e quem aparecer. Os pais são completamente amorosos, irmãos que tiram sarro um dos outros, que protegem a família com unhas e dentes. Acima de tudo.

Os irmãos Kelly:

- Sam
é o mais velho, é O cabeça da KGI, mas não menos carinhoso nem amoroso;
- Ethan é um pouco esquentado e teimoso, mas é muito centrado  e apaixonado por Rachel;
- Garrett é o meu preferido! Pois tem aquela “proteção excessiva” por todos e tem muito carisma, meio birrento e mal humorado;
- Donovan ou Van é o que “ameniza” as brigas entre eles, usando artifícios (palavras engraçadas) para livrar a cara de algum irmão em apuros;
- Nathan e Joe são os irmãos mais novos, muito engraçados e divertidos.

Tem ação? SIM!
Tem suspense? SIM!
Tem sarcasmo e cenas engraçadas? SIM!
Tem os irmãos mais gostosos e perfeitos que existe? SIM! 



Capas da Série KGI:




5.5 - Estória a parte de Ethan e Rachel








Até a próxima.
Beijos.

23 março 2013

Livros em Série #07 - Trilogia Magia ou Loucura


Olá meus amores.
Hojes trago uma Trilogia bem especial, vamos conhecer?





Magia ou Loucura - Magia ou Loucura – Vol. 01 - Justine Larbalestier



 " Por 15 anos Razão viveu no interior da Austrália com sua mãe, Sarafina. Desde quando ela consegue se lembrar, as duas vivem fugindo da avó, Esmeralda - uma bruxa que pratica terríveis rituais de magia negra. Mas, depois que Sarafina enlouquece, Razão é mandada para o lugar que mais teme: a casa da avó, em Sidney.
Mas o lugar não se parece em nada com o que Sarafina descreveu, e Esmeralda não aparenta ser maléfica. Pela primeira vez, Razão se vê questionando os ensinamentos da mãe... Mas espere aí! Mesmo sem ter visto sinais de fumaça e espelhos espalhados pela casa - altamente perigosos, segundo Sarafina -, a avó guarda dentes de pessoas escondidos e tem uma chave misteriosa na gaveta. 

Ela não pode ser boa, pode? "


Lições de Magia - Magia ou Loucura – Vol. 02 - Justine Larbalestier


 " Nesta continuação de Magia ou Loucura, Razão precisa lidar com a magia e suas conseqüências: se usá-la, poderá morrer antes de hora; mas se deixá-la adormecida, pode enlouquecer, como Sarafina. Entretanto, ela, Jay-Tee e Tom agora têm uma professora para ensiná-los a controlar seus poderes: Esmeralda. A temida avó de Razão é digna de confiança? Ou quer apenas se aproveitar da magia dos três? Novos segredos serão revelados e todos terão de enfrentar seus mais profundos temores. "


Filha da Magia - Magia ou Loucura – Vol. 03 - Justine Larbalestier



" Há pouco tempo, Razão nem mesmo sabia que existia magia. Mas um antepassado poderoso a transformou em algo jamais visto, e agora ela tem mais poder do que poderia supor. De repente, Razão pode fazer qualquer coisa, ir a qualquer lugar - e viver para sempre. Todo esse poder, porém, tem um preço - sua humanidade. Razão se tornou a única com o poder de salvar seus amigos e familiares. Mas talvez ela já esteja fora de alcance. "
.
.
Até a próxima.
Beijos. 

21 março 2013

Nova Parceria: Andressa Andrião, autora de Memórias da Lua Cheia


Olá meus amores.
É com muita alegria que venho anunciar para vocês a parceria do blog com a escritora Andressa Andrião, autora do livro Memórias da Lua Cheia. Vamos conhecer um pouco mais sobre a obra e da autora?




 Memórias da Lua Cheia - Andressa Andrião
Sinopse:

" Ela estava sem memória e sozinha, perdida em uma floresta durante uma noite de lua cheia, em que os lobos uivavam perigosamente. A única informação que tinha sobre si mesma estava em um bilhete borrado pela chuva que dizia que seu nome era Alissa. Quando jurara que se tornaria comida de lobos, ele aparece. Um rapaz que em seu primeiro momento parece ter vontade de matá-la, mas logo em seguida resolve misteriosamente salvar sua vida e cuidar dela até que alguém apareça em sua procura. Por mais que ela tivesse expectativas, ninguém nota seu desaparecimento, levando-a a ter que morar com aquele rapaz repleto de segredos, que ela conhece na floresta. Com o tempo um romance começa a surgir entre eles, mas ainda havia um mistério: um homem enigmático e atraente que desenvolve um interesse imediato por ela. Alissa então descobre que sua perda de memória não era exatamente o que ela imaginava e que o mundo era muito mais cheio de mistérios e magia do que ela acreditava ser. "
 


Andressa Andrião, nascida em Araraquara, São Paulo, no final de 1992, começou a escrever aos treze anos, apesar já haver nela um sonho de ser escritora desde mais nova, quando começou a ler os livros de Harry Potter.
Estudante de Engenharia de Computação na USP, está sempre tentando encontrar pedacinhos escassos de tempo para dedicar-se ao amor pelas artes da escrita, do desenho e da música. Seus maiores amores são escrever romances e poesias, desenhar tanto à mão quanto no computador e tocar flauta transversal.
Apesar de acreditar que a vida profissional de engenheira e escritora é um pouco antagônica, não deixa de sonhar com os montes de ideias para novos livros que surgem em sua cabeça a todo momento e com as muitas possibilidades de trabalho no ramo de computação.


  .
.
Blog: http://andressaandriao.blogspot.com.br/
Fanpage do livro:
Skoob do livro: http://skoob.com.br/livro/268818
Até a próxima.
Beijos.

20 março 2013

Lançamento das Editoras Parceiras - Março


Olá meus amores.
Vamos aos lançamentos das Editoras Arqueiro e Sextante do mês de Março
Vamos conferir?
















































































































































Até a próxima.
Beijos.

18 março 2013

Resenha #75 - Como (quase) namorei Robert Pattinson - Carol Sabar


Título: Como (quase) namorei Robert Pattinson
Autora:
Carol Sabar
Editora:
Jangada
Número de Páginas:
464


Sinopse: 


 “Aos 19 anos, Duda é literalmente viciada na saga Crepúsculo. Já perdeu a conta de quantas vezes leu os livros da série e assistiu aos filmes. Através de um perfil secreto na internet, ela se comunica com outras fãs do Crepúsculo que, assim como ela, estão totalmente convencidas de que não há garoto no mundo que valha um dente canino do vampiro Edward Cullen. Sua obsessão ganha fôlego com uma temporada de estudos em Nova York, onde ela faz planos mirabolantes para conhecer pessoalmente Robert Pattinson, o ator que interpreta o vampiro nos cinemas. Mas, após um incidente com seus únicos (e insubstituíveis!) livros da saga, Duda entra em verdadeiro surto de desespero. Percebe, então, que uma mudança radical em seu comportamento “crepuscólico” é mais do que urgente. O que ela não esperava era conhecer Miguel Defilippo, seu vizinho na ilha de Manhattan, que é a cara do ator Robert Pattinson! Apaixonante, lindo, rico, misterioso e ambíguo, Miguel acaba se tornando um desejo mais inacessível para Duda do que o próprio astro de Hollywood. Uma história cheia de humor, aventuras e reviravoltas, para você chorar de rir! ”

Resenha


 O livro é gostoso de ler, despretensioso, muito detalhista,  cheio de um humor crítico, com muitos apelidos. Não interessa em qual situação, os detalhes aparecem sempre.
A heroína é destemida (para não dizer louquinha). O enredo gira entre brasileiras e outros jovens de outras nacionalidades, que se encontram na Ilha de Manhattan, por um período de tempo pequeno, fazem amizades e se empenham para aprimorarem o seu inglês.

Além da Duda ser fissurada na Saga Crepúsculo, ela é doida de pedra pelo Robert Pattinson, com quem sonha dormindo ou acordada.
E lá se vão as quatro para NY (sua irmã Suzana, sua prima Lisa e sua amiga meio tapada Margô), se instalam no apartamento que alugaram e Duda, fica estarrecida ao ver estacionado, um Volvo Prata,na frente de seu prédio.
Por que estarrecida? Porque na cabeça dela, esta viajem -- aprendizagem, não servirá apenas para aprender inglês, mas principalmente (só na cabeça dela) para trombar em uma das ruas do Tio Sam, com Robert Pattinson em pessoa.



As companheiras (e amigas) riram demais dela, porque isso é muito difícil de acontecer, mas a teimosa e sonhadora Duda acha que é assim que vai acontecer.
Daí a Duda desenvolve a psicose, de que aquele carro era do famoso vampiro e que conseqüentemente o mesmo deveria estar hospedado no mesmo prédio que ela, a prima, a irmã e a colega.
E o melhor é que ela estava certa! O sósia do vampiro famoso além de morar ao lado delas era o dono do prédio de apartamentos em questão.

Quem já leu, ou viu a Saga Crepúsculo, a todo o momento, lendo este livro, se depara com pedaços dos livros, dos filmes e que eu acho uma delicia, pois sou fã de carteirinha (ainda existe essa expressão?) da Saga. Acho que a autora também é, porque ela fala com muita propriedade.
Parabéns pra ela, por ser romântica, para as Crepusculinas  e para mim também, pois até agora, a meu ver, não encontrei em nenhuma literatura, um romantismo tão simples, puro e autentico como o amor de Edward e Bella. Pode ser que alguém (Deus queira) seja capaz de superar a Meyer. Eu quero ler!


O sósia e a Duda ( com sua infantilidade e insegurança) preenchem  o livro de peripécias gozadas.
Mas o que me deliciou, foi quando a Duda, estando cara a cara com o famoso vampiro em carne e osso,  e ele na hora de autografar, num dos seus livros já usados, pergunta: Name?
E ela responde gaguejando: Du-du-du-da. Ela gaguejou e ele autografou como ela pronunciou assim: To Dudududa, Kisses. Isso pra mim já valeu o livro.

Ah! Além de o livro ser muito bom, ele é também um “Outdoor” dos produtos das Victoria´s Secret´s, das roupas, mochilas, calças, Cuecas Calvin Clain e Tennis All Stars, sem falar dos itens do paladar. Isso tudo bem no jeitinho mineiro. Eu adorei!


Capa do livro:




Até a próxima.
Beijos.