Welcome



INICIO
EDITORAS PARCEIRAS
BLOGS PARCEIROS
BOOKLIST
LINK-ME
SELINHOS
CONTATO

29 abril 2013

Resenha #82 - Finale - Hush, Hush - Livro 4 - Becca Fitzpatrick


Título: Finale
Autora: Becca Fitzpatrick
Editora: Intrínseca
Número de Páginas: 304



Sinopse:

Nora e Patch pensavam que seus problemas tinham ficado para trás. Hank estava morto, e seu desejo de vingança não precisava ser levado adiante. Na ausência do Mão Negra, porém, Nora foi forçada a se tornar líder do exército nefilim, e era seu dever terminar o que o pai começara — o que, essencialmente, significava destruir a raça dos anjos caídos. Destruir Patch. Nora nunca deixaria isso acontecer, então ela e Patch bolam um plano: os dois farão com que todo mundo acredite que não estão mais juntos, manipulando, dessa forma, seus respectivos grupos. Nora pretende convencer os nefilins de que a luta contra os anjos caídos é um erro, e Patch tentará descobrir tudo o que puder sobre o lado oposto. O objetivo deles é encerrar a guerra antes mesmo que ela venha a eclodir. Mas até mesmo os melhores planos podem dar errado. Quando as linhas do combate são finalmente traçadas, Nora e Patch precisam encarar suas diferenças ancestrais e decidir entre ignorá-las ou deixá-las destruir o amor pelo qual sempre lutaram. ”


Resenha

" Caso esteja se perguntando, já fiz minha escolha. Sou sua - falei com ternura. - Toda sua. "

O que posso dizer do desfecho de uma das séries que mais amo: Inesquecível!
Becca Fitzpatrick veio pra mostrar que se superar a cada livro é fácil, pois Finale tem muita ação, romance, mistério, sobrenatural, amizade e lealdade acima de qualquer perigo.
Um livro muito esperado por mim e tenho certeza de que por muitos leitores apaixonados pela série.
Depois de tudo pelo que Nora e Patch passaram para que pudessem finalmente ficar juntos, não imaginavam que o tornado devastador ainda estava por vir.

Quando foi “designada”, melhor dizendo obrigada a liderar o Exército Nefilim (sem nenhuma escolha para recusar), nossa mocinha teria que tomar decisões bem difíceis, pois se a Guerra realmente acontecer ela terá que lutar contra os Anjos Caídos... e a destruição deles também cairá sobre quem mais amava: Patch Cipriano.
Com a morte de Hank os problemas só aumentaram numa proporção estrondosa, que o final não será bom para nenhum dos lados.
Tanto sua vida e de sua mãe correm sérios riscos caso alguma coisa dê errado, mas Nora tinha como uma “válvula de escape” Dante Materazzi. O braço direito do Mão Negra... vulgo Hank Millar, pai biológico de Nora. Dante é um Nefilim muito poderoso, misterioso e ardiloso. Sabe usar bem as palavras em seu beneficio e não mede esforços pra conseguir o que quer.


" - Isso é não piada, Nora. O Cheshvan começa em pouco mais de 72 horas, o que significa guerra. Anjos caídos de um lado, nós do outro. Tudo depende de você. Você é a nova líder do exército nefilim. O juramento de sangue que fez a Hank está valendo, e acho que não precisamos lembrá-la de que se quebrá-lo as conseqüências são muito, muito reais. "

Dante começa a treiná-la e a confiança vai nascendo, descobre coisas bizarras que ele e outro nefilin estão produzindo para que possam ganhar essa guerra de um modo bem fácil, para que os a Raça Nefilim não seja mais possuída pelos Anjos Caídos em todo Cheshvan.
A estória se baseia mais nas indecisões e planos de Nora com a ajuda de Patch, mesmo o nosso anjo preferido não aparecendo tanto quanto eu gostaria, seus diálogos e ironias são sempre divertidos e tem aquele jeito todo sexy de ser. Ao decorrer da estória Patch é uma peça importante para o desfecho tão inevitável.
Além de todas as preocupações e o “peso” de carregar a liderança dos Nefilins, ainda tem que aturar Marcie Millar infernizando sua vida em sua própria casa e Dabria atrás de seu namorado. Tendo também a ajuda de seus amigos Scott e Vee.
Becca Fitzpatrick soube misturar muito bem os “ingredientes” para que a estória não ficasse monótona, chata ou somente embromando e enrolando. Os diálogos são engraçados quando tem que ser tirando um pouco a tensão “Pós – guerra” durante todo o livro.


“ Coloquei minha mão na dele, notando como sua pele parecia fria. Ele também estava quase imóvel, como se estivesse se preparando para o pior. - Ou estou nisso com você, ou estou fora - disse a ele, e estava sendo absolutamente sincera. "

Teve certos momentos em que queria poder “entrar” na estória e dar uns tabefes na Nora.
E gritar, xingar e sacudi-la para que tomasse uma atitude e decidisse o que realmente iria fazer.
Nora passa por maus bocados e acaba descobrindo da pior forma que confiar demais muitas vezes se quebra a cara.
Revelações que nunca iriam passar pela minha cabeça, algumas ruins e outras boas.
O romance do casal me pareceu ficar ainda mais forte e supera qualquer obstáculo que possa aparecer. Gosto da firmeza e garra com que Patch luta por Nora, a proteção excessiva para com ela.


Depois que terminei o livro fiquei bastante triste com algumas coisas que aconteceram, que para mim não era necessário e talvez tenha chegado a ficar assim também pelo final da série, pois demorei uns dois dias pra fazer essa resenha.
Meio que juntou a saudade antecipada de uma fã com todo o resto.
Realmente foi surpreendente o que a autora fez nesse ultimo livro, a cada lançamento vinha com surpresas e desafios e em nenhum desses volumes a estória ficou maçante ou fugiu do assunto, ao contrário.


“ Sei que não posso sentir seu toque, mas sinto seu amor, Nora. Lá no fundo. Isso significa tudo para mim. Eu queria poder sentir você da mesma forma que você me sente, mas tenho seu amor. Nada nunca vai ser mais forte do que isso. Algumas pessoas passam a vida inteira sem experimentar os sentimentos que você despertou em mim. ”

As capas são lindas e pelo menos a editora não inventou de mudá-las como muitas fazem por aí. São capas que instigam a imaginação do leitor e são as originais.
O final foi mais que perfeito... foi tão perfeito que ainda não me caiu a ficha de que não vou ficar esperando o próximo lançamento, pois esse desfecho acaba aqui, nada ficou “escondido”, tudo foi revelado e apresentado ao leitor de uma forma emocionante.
Só o que posso fazer e esperar lançarem o filme da Série Hush Hush. Pois é, os direitos para o cinema foram comprados. Querendo saber quem fará Nora Grey e Patch Cipriano.
Depois da ressaca literária que fiquei ao termino do livro só posso aconselhar para que quem não leu ou não conhece que leia! E comece logo!


" - Você veste essas roupas para impressionar - falei, em tom de aprovação.
- Não, Anjo. - Ele se inclinou e mordeu de leve a minha orelha. - Eu tiro a roupa para impressionar. "


 Carta de Patch para Nora - Valentine´s Day

No dia 14 de fevereiro é comemorado o Dia dos Namorados em vários países (menos no Brasil).
A autora do Best Seller Sussurro, Becca Fitzpatrick compartilhou no twitter uma carta feita por Patch Cipriano para sua amada Nora Grey.
Não podia deixar de colocar aqui a carta para vocês. Confere aí!






 Ator da Capa da Série:



Drew com a autora Becca Fitzpatrick.


A autora anunciou no seu twitter que a série terá adaptação nos cinemas.
Os direitos de adaptação cinematográfica dos quatro livros da saga foram adquiridos pelo estúdio LD Entertainment, e o roteiro do primeiro filme será escrito por Patrick Sean Smith, do seriado americano Greek.
 
Até o início das filmagens, planejadas para o segundo semestre de 2013, resta aos fãs e à própria autora a expectativa sobre o elenco. Quem seriam os melhores atores para viver Patch e Nora? “Eu comecei a escrever Hush, Hush há quase dez anos, então estava imaginando atores que, obviamente, já não têm mais idade para os papéis. Eu queria Steven Strait para Patch e Emmy Rossum para Nora”, disse Becca Fitzpatrick ao Entertainment Weekly. 
Agora, ela gostaria de ver atores pouco conhecidos pela mídia e confia nas escolhas da equipe de produção do filme.



No Twitter, os seguidores da autora sugeriram nomes como Beau Mirchoff, Drew Doyon, Shiloh Fernandez, Mario Casas, Thomas Dekker e Avan Jogia para viver Patch e Shelley Hennig, Kaya Scodelario, Lucy Hale e Troian Bellisario para Nora. Qual seria o ator perfeito para interpretar Patch e Nora?


27 abril 2013

Encontro AR Fortaleza #03


Olá meus amores.
Aconteceu mais um Encontro das Blogueiras no Shopping Benfica, no dia 20/04/13.
Foram algumas pessoas dessa vez, mas foi ainda mais divertido.
Vamos conferir algumas fotos?

 Juliana (de preto), Karla e Camila. A Camila (de blusa listrada) veio pela primeira vez ao encontro e foi bem legal conhecê-la, tem um atral muito bom.


 Camila, Ju, Eu e Anne. Estou estranha nessa foto. :P


 Todas nós juntas, nesse dia foi ainda mais divertido, rimos das loucuras da Jordana. Minha mãe dessa vez não foi porque fez uma pequena cirurgia e ainda estava de repouso.

 Jordana, Ju e David. Foi a primeira vez que foi ao encontro. Só ele de homem ao redor de um monte de mulher doida. rs.


25 abril 2013

Resenha #81 - Procura-se Um Marido - Carina Rissi



Título: Procura-se Um Marido
Autora: Carina Rissi
Editora: Verus
Número de Páginas: 474

Sinopse:

Alicia sabe curtir a vida. Já viajou o mundo, é inconseqüente, adora uma balada e é louca pelo avô, um rico empresário, dono de um patrimônio incalculável e sua única família. Após a morte do avô, ela vê sua vida ruir com a abertura do testamento. Vô Narciso a excluiu da herança, alegando que a neta não tem maturidade suficiente para assumir seu império – a não ser, é claro, que esteja devidamente casada. Alicia se recusa a casar, está muito bem solteira e assim pretende permanecer. Então, decide burlar o testamento com um plano maluco e audacioso, colocando um anúncio no jornal em busca de um marido de aluguel. Diversos candidatos respondem ao anúncio, mas apenas um deles será capaz de fazer o coração de Alicia bater mais rápido, transformando sua vida de maneiras que ela jamais imaginou.
Cheio de humor, aventura, paixão e emoções intensas, Procura-se um marido vai fisgar você até a última linha.”



Resenha

“Nem pense em se casar com o príncipe encantado”, ela me disse certa vez. “Case-se com o lobo mau. Ele sim saberá tratar você bem.”

Procura-se Um Marido é uma estória interessante e muito criativa que pode muito bem acontecer, por que não?
Alicia consegue o marido de uma maneira não convencional e os motivos que a levam a isso, é por uma absurda impotência que se apresenta, deixando-a sem outras opções. E ela tem muita sorte com o candidato escolhido.
Alicia e Max juntaram a fome com a vontade de comer, porque o que não era, acabou sendo.
Era difícil fingir um sentimento para os outros, que eles pensavam que não existia.
Cercada de muitos problemas, falsidade, inveja e impopularidade, Alicia nos deleita com suas atitudes criativas, porque a bem da verdade a garota é destemida e apronta todas, nem sempre ao seu favor.
Apesar de quase sozinha e deserdada ela conversa esporadicamente com seu Avô, já falecido.

“(...) - É ruim quando você não vai para o mesmo lugar que eu, e sou obrigada a enfrentar o ônibus.  Deslumbrada, vi seus lábios se esticarem e se curvarem num sorriso sobre os dentes perfeitos, os olhos brilhando feito caleidoscópios, fazendo meu pulso acelerar.
- Então não vá pra longe de mim, Alicia.”

Há situações na vida em que, ou se aprende com ela, ou ela acaba com você e a nossa protagonista, opta pela 1ª e se sai maravilhosamente bem, desde o idílio, até o trabalho que ela é obrigada a desempenhar.
Aqui faço uma pausa para elogiar a autora, no quesito borboletas, parabéns pela sensibilidade e por deixar o sobrenatural, tão natural.
Adorei as referências ao livro A Arte da Guerra, de Sun Tzu, aconselho a lê-lo também.

“Acho que... é hora de ser corajosa e encarar o bicho-papão - tentei sorrir. [...]. - Ah, se o bicho-papão for lindo desse jeito, vou rezar para que ele venha me assustar todas as noites.”


22 abril 2013

Resenha #80 - Malícia – Amanda Quick


Título: Malícia
Autora: Amanda Quick
Editora: Rocco
Número de Páginas: 296

Sinopse:

Imogen é uma dama. Mas  nada convencional para os padrões da Londres do século passado. Atrevida, inteligente e passional em tudo o que faz, ela ignora as sutis, porém rígidas, normas que regem o comportamento de uma mocinha de sociedade, e segue a sua própria lógica, convicta de que os direitos entre homens e mulheres são iguais. Nesse contexto, para ela não havia ousadia em pedir ao conde de Colchester - expert em arqueologia e com reputação altamente comprometedora - que a ajude a resolver um intrigante mistério. O plano de Imogen seria perfeito, se o conde não tivesse despertado nela desconhecidas e incontroláveis emoções. Para tornar tudo ainda mais complicado, o que havia começado quase como um jogo de detetive, se transforma numa intrincada história de crime e paixão, repleta de perigos que a independente jovem sequer imaginava que existiam.”


Resenha

Essa estória tem por palco, uma cidade Londrina, com uma sociedade de nobres e plebeus, iluminada por velas e lampiões e quando a força motriz utilizada como meio de transporte era o cavalo.
A dupla romântica que dá vida a esse livro é um Conde e uma plebéia.
São forças contrárias, mas não dizem que os opostos se atraem?

Imogen é o resultado de um pai filósofo e uma mãe liberada de qualquer coisa convencional. Criaram-na com suas ideias radicais de como educar os jovens. É uma personagem forte, destemida e cheia de personalidade.

Ele, o Conde Matthias, era excêntrico, voluntarioso, identificado por uma mecha branca na cabeleira negra (herança dos varões há gerações da família) personificava um ser lendário, que intimidava a todos, menos Imogen.

E seus olhos e postura diziam “aos reles mortais” que ele era um ser diferente.
Mas isso era só fachada, era uma maneira de enfrentar a sociedade, que lhe era hostil e quando ele botou os olhos na figurinha frágil de Imogen, seu coração e seu corpo reagiram como em qualquer homem diante da mulher que lhe impressionou. Ele se assustou.


"Muito bem, pensou Imogen, tinha beijado ao Matthias voluntariamente. Mas tudo poderia ter terminado aí se ele não tivesse posto em prática essas exóticas técnicas amorosas zamarianas para lhe enlouquecer os sentidos."

A estória é bem dosada com momentos de terror, de ternura, de paixão, com bailes, confrontos entre o bem e o mal, com fraudes, assassinatos, mas o humor que Imogen descarrega nas pagina do livro, ameniza e enternece quem ler.
Ela tem como parceiro o homem mais destemido, mais sem escrúpulos, mas enfiou na cabeça que o referido homem tem os nervos fracos.
E Imogen diz abertamente durante todo o livro para Matthias. E a reação dele é incrível, mas a desmente, aceita sem nenhum comentário, porque é ela quem o diz.
Há muitas situações conflitantes, mas também muitos momentos de idílios e no final Imogen descobre de uma forma irrefutável que o seu parceiro, possui nervos de aço.


21 abril 2013

Caixinha de Correios #16


Olá meus amores.
Trazendo mais uma Caixinha de Correios bem recheada, dos livros que comprei a pouco tempo.
Vamos conferir?



Acabei me apaixonando por essa estória e resolvi comprar o livro pelo site Estante Virtual, pois fiz a resenha dele para vocês do livro emprestado da Anne. Ria sozinha no meio da rua enquanto lia, o povo olhava pra mim como se dissesse: "Essa menina é doida!"



Como só ouvi elogios desse livro e resenhas super positivas, resolvi comprar.
Foi meio caro, mas valeu a pena.



O livro que eu esperei que chegasse, finalmente está em minhas mãos. Não vejo a hora de começar a ler. Ele tem brochura média, não é como o primeiro e segundo volume. Isso é bom, porque eu leio mais rápido.



Lembram que eu postei essa série? Pois é, só tinha comprado há muito tempo o primeiro volume e quando fiquei sabendo que era uma trilogia, resolvi adquirir o resto. Foi super barato, me saiu menos de 20 reais cada. Comprei pelo site Estante Virtual.


Esse é o último livro da Série Magia ou Loucura. Achei a capa linda e ultimamente tenho comprado muito pelo site Estante Virtual, livros muito baratos e em ótimo estado (usados).

Todos juntos:



20 abril 2013

Evento Literário #02 - A Seleção



Olá meus amores.
Hoje trago o Evento que bombou aqui em Fortaleza, no dia 13/04/13.
O Evento foi produzido pela Editora Seguinte, o Blog Feed Your Head e o Blog Our Vices.
E tinha tudo pra ser perfeito! Mas como em todo lugar tem gente mal educada, egoísta e não se pode selecionar qualquer tipo de público, nesse evento não foi diferente.
Vamos conferir algumas fotos?


Esses eram alguns dos brindes (lápis e marcadores) e foi sorteado um livro A Seleção (autografado pela autora Kiera Cass) e um A Elite
Foi por esse livro que fui ao evento, mas como só tinha um e mais de 60 pessoas presentes não ganhei. Acredito que todos foram ao evento como eu, ter a sorte de ser sorteada com o livro A Elite, que por sinal através de alguns comentários da Jordana é muito bom.

Houve algumas atividades e estes eram os brindes, junto com 2 marcadores e um lápis. Achei lindo a coroazinha, um charme. Pena que só consegui dois marcadores, porque a turma presente não pensaram nos outros, que ainda não tinham ganho nada. Fazer o quê!

Apenas 50 senhas para participar do sorteio dos livros e a pequena sala ficou muuuito cheia de gente, mas foi bem divertido. As brincadeiras que a Jordana (dona do blog Feed your Head) extraiu boas risadas.

Bom... essas são algumas das fotos que resolvi postar, mas o evento foi bem organizado e muito divertido. Apesar do que eu falei antes.


Até a próxima.
Beijos.

18 abril 2013

Resenha #79 - Caso de Amor - Amanda Quick


Título: Caso de Amor
Autora: Amanda Quick
Editora: Rocco
Número de Páginas: 274

Sinopse:

“  Ele estava realmente numa situação delicada! Um dedicado homem da ciência, que prezava, acima de tudo, a lógica e a razão, Baxter St. Ives não podia acreditar que estivesse realmente se fazendo passar por um simples assistente para conseguir se aproximar da uma  mulher liberada.
Aceitar o papel de caçador de um assassino era uma coisa, mas descobrir que estava descontroladamente apaixonado por sua nova chefe era fazer de sua vida um caos. Era o suficiente para levar um homem a se trancar no santuário do seu laboratório e nunca mais sair.
Mas, em vez disso, St. Ives resolve conduzir uma experiência, uma perigosa investigação cientifica na temerária alquimia do desejo. À medida que o ousado St. Ives se lança à tarefa de seduzir Charlotte, no entanto, o mistério que os envolve vai ficando cada vez mais denso, pois um assassino perigoso ainda está à solta em Londres, planejando o afastamento dos amantes... ou vê-los unidos para sempre – na morte.”


Resenha

Baxter e Charlotte se encontraram de uma forma inusitada: ela, requisitando um assistente, ele procurando uma maneira de desmascarar, a possível assassina, da melhor amiga da sua Tia Rosalind. Depois de uma discussão acirrada, ele garantindo que tinha as qualidades para ela exigidas e ela dizendo não aceitar os seus argumentos, ficaram um olhando pro outro, mas sem findar o impasse.
Tudo para ele era um experimento que acabaria num achado cientifico. Tudo era explicado através da ciência, pela química ou pela física. Só isso!
Até quando ele se viu frente a frente com o Amor. Então todos os seus potes, retortas e louças refratárias, emborcaram-se para nunca mais desvirarem-se.
Foi uma luta desigual, onde ele levou a pior – o Amor venceu.

“ A ideia a deixou gelada. Estaria realmente considerando a possibilidade de ter um caso com Baxter St. Ives?Olhou para o desenho estranho feito por Drusilla Heskett no livro de aquarelas. Era um enigma. Não muito diferente daquilo que ela sentia por Baxter. ”

Charlotte para não ficar nada a dever da atitude de seu assistente e guarda costa e já sentindo o Amor acenar pra ela, relutante também, dizia que tudo que fazia, era parte de uma experiência.

Ela era durona, mas era romântica. Baxter também se comportava como tal, mas achava que não tinha jeito para o romantismo, isso ele pensava, porque nem ele sabia do que era capaz quando olhava nos olhos de Charlotte.
Mas depois de muitas peripécias, duelos, assassinatos e difíceis investigações, com sucesso reconhecido, Baxter chegou à conclusão (e fora do seu laboratório) que existem outras químicas, que ele não conhecia.

“ Baxter teve a impressão de ter sido atirado para dentro de uma das suas retortas do laboratório. Era como se uma bomba de ar invisível tivesse sugado todo o oxigênio da atmosfera. Tudo que tinha para respirar era o perfume de Charlotte. ”

É uma estória cheia de mistérios desvendados, de superar dificuldades, de lutar sem se entregar ao infortúnio, com muito senso de humor, nas situações mais descabidas, onde os personagens se encaixam direitinho, com um envolvimento ousado e agradável.
Gostei demais e recomendo!



Até a próxima.
Beijos.

16 abril 2013

Lançamento das Editoras Parceiras - Abril 2013


Olá meus amores.
É com muita alegria e um pouco de tristeza que venho anunciar o lançamento do desfecho da Série A Maldição do Tigre. Vamos conferir os lançamentos das Editoras Arqueiro e Sextante.

















Até a próxima.
Beijos.