Welcome



INICIO
EDITORAS PARCEIRAS
BLOGS PARCEIROS
BOOKLIST
LINK-ME
SELINHOS
CONTATO

05 março 2014

Resenha #135 - Um Perfeito Cavalheiro - Familia Bridgerton - Livro 03 - Julia Quinn

 


Sinopse:

Sophie sempre quis ir a um evento da sociedade londrina. Mas esse é um sonho impossível. Apesar de ser filha de um conde, é fruto de uma relação ilegítima e foi relegada ao papel de criada pela madrasta assim que o pai morreu. Uma noite, ela consegue entrar às escondidas no baile de máscaras de Lady Bridgerton. Lá, conhece o charmoso Benedict, filho da anfitriã, e se sente parte da realeza. No mesmo instante, uma faísca se acende entre eles. Infelizmente, o encantamento tem hora para acabar. À meia-noite, Sophie tem que sair correndo da festa e não revela sua identidade a Benedict. No dia seguinte, enquanto ele procura sua dama misteriosa por toda a cidade, Sophie é expulsa de casa pela madrasta e precisa deixar Londres. O destino faz com que os dois só se reencontrem três anos depois, Benedict a salva das garras de um bêbado violento, mas, para decepção de Sophie, não a reconhece nos trajes de criada. No entanto, logo se apaixona por ela de novo. Como é inaceitável que um homem de sua posição se case com uma serviçal, ele lhe propõe que seja sua amante, o que para Sophie é inconcebível. Agora os dois precisarão lutar contra o que sentem um pelo outro ou reconsiderar as próprias crenças para terem a chance de viver um amor de conto de fadas. Nesta deliciosa releitura de Cinderela, Julia Quinn comprova mais uma vez seu talento como escritora romântica. ”

Resenha

"Ele iria encontrá-la. Iria encontrá-la e ela seria dele. Simples assim." 

Benedict não é só o Perfeito Cavalheiro. É alguém com princípios, com família estruturada, uma grande família, diga-se de passagem.
Uma figura de Adônis, Apolo, Davi, sei lá, que desempenha o seu papel masculino, enlouquecendo, isso no século XVIII, todas as mães com suas filhas em idade de casar.

Mas o destino não gosta da mesmice, e os seus caminhos geralmente são veredas ingrimes.
Porém quando ele cisma de juntar, nem cupido se manifesta.
É o que acontece entre Benedict e Sophie.
Sophie e bastarda e criada, ele de família tradicional. Um grande abismo os separa.


"Enquanto a madrasta era um demônio que ela conhecia, o resto do mundo era um demônio desconhecido. E Sophie não fazia ideia de qual seria pior." 

E quando o amor acontece à primeira vista e a donzela, como a cinderela, some às 12 badaladas, o romance não “engata”, ficando uma coisa inacabada.
Alguém se consome em duvidas e desejos, mas como sabe que é impossível reverter a realidade da época, fica conjecturando como resolver o problema.
Mas do jeito que Benedict propõe, Sophie rejeita.
Então, como será possível viver sem esse amor? Como quebrar as barreiras? Será possível reverter o quadro do tempo? Haverá esperanças para alguém tão maltratada pela vida e pelas pessoas como é o caso de Sophie Beckett?
Leia para descobrir, não irá se arrepender!


“ - Você não está sendo justo!
- E você não está sendo inteligente!
Benedict achou que seus argumentos eram bastante razoáveis, ainda que um pouco arrogantes, mas ficou claro que Sophie não concordava, porque, para sua surpresa, ele se viu caindo de costa no chão, derrubado por um gancho de direita impressionantemente rápido.
- Nunca mais me chame de burra – sibilou ela.
Benedict piscou, tentando recuperar a visão até o ponto de conseguir ver apenas uma Sophie.
- Eu não chamei…
- Chamou, sim – respondeu ela num tom de voz baixo e furioso. ”

Adoro livro, novela e filme de época.
Ter Julia Quinn entre as mãos e leitura animada, às vezes até cômica, romântica e de ótima qualidade.
Ela tem uma sensibilidade feminina nata. Estou ansiosamente esperando a continuação da “ninhada” dos Bridgertons.
Seus argumentos são bem pensados, sua pesquisa sobre os séculos, com seus tabus, preconceitos e ignorâncias são transformados em acontecimentos, que deixam o leitor ansioso para chegar ao fim.
 





Título: Um Perfeito Cavalheiro - Familia Bridgerton - Livro 03
Autor(a): Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 304




14 comentários:

  1. Lauri, ainda não li nenhum livro da Julia Quinn! E olha que muuuita gente fala bem deles. Vou ver se compro e começo a ler em breve!

    Beijos,
    Caroline, do criticandoporai.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois leia Caroline.
      Você vai se encantar e se apaixonar pelos romances inesquecíveis da Diva Julia Quinn. <3

      Excluir
  2. Flor, estou apaixonada pelo seu blog, parabéns! Estou te seguindo <3
    Adorei sua resenha, ouvi falar muito já desse livro e sua resenha só aumentou minha curiosidade na leitura. Ainda mais pela história ser de época. Parece ser um livro leve e com bons conflitos, que claro, todo livro tem!
    Beijinhos,
    Percepções Blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada flor, fico muito feliz que tenha gostado do blog. :)
      Qualquer livro da Diva Julia Quinn que vc ler, não vai se arrepender. :)
      Seja muito bem vinda.

      Excluir
  3. Oi Lauri!

    Que resenha incrível. Minha mãe está lendo o segundo livro da série! Ela tá amando, chamei ela pra ler a resenha do terceiro e ela quer é logo, pra já!!!!!!!!!! hahahahaha Adoro como a Julia mescla os personagens, amo a escrita dela.

    Beijos
    http://www.estantedasfadas.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada flor, fico muito feliz que tenha gostado. :)
      Ah, a minha mãe anda viciada em Julia Quinn, pq não paro de falar dela kkkkk.
      Julia Quinn é muito Diva! <3

      Excluir
  4. Também adoro filme, novela e livro de época...é muito bom! A Julia está se saindo muito bem entre os leitores essa mistura de romance e humor é muito boa. Quero ler logo um livro dela.
    Bloody Kisses
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Julia Quinn sabe deixar o leitor vidrado, minha mãe lê os livros dela em apenas um dia. Não consegue largar.
      Sou uma fã apaixonada pelas histórias lindas e envolventes da Diva Julia Quinn. <3

      Excluir
  5. Parece ser uma leitura muito boa e divertida ao mesmo tempo, apesar da dose de drama exposta na sinopse.

    thoughts-little-princess.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Julia Quinn tem o dom de cativar e deixar o leitor fissurado em suas histórias. <3

      Excluir
  6. Ai, amiga, eu não me dou bem com livros nesse estilo, tu sabe, né? kkk
    Meio que acho que eu dormiria com um livro desses no colo rs Mesmo que adore tua resenha, quando pego pra ler.... não dá certo :P

    Beijos,
    Larissa♥

    - Vitamina de Pimenta -

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aff amiga!
      Você tem que dar mais uma chance, vai valer a pena.
      Vou viciar você na Julia Quinn. u.u'

      Excluir
  7. Ahh amei a resenha, estou acompanhando a série, já tenho os 3 lançados aqui no Brasil, estou lendo o terceiro que acabou de chegar, e to amando a Julia é Diva mesmo.
    Linda sabe informar quando será lançado o quarto livro da série? a demora de um para o outro é enorme kkkk, o que mata em ler uma série é isso, a demora da editora em lançar, mas fazer o que né? só esperando mesmo rsrsrs, bjokas ♥

    ResponderExcluir
  8. Julia Quinn é uma das únicas que consegue me fazer ter os mesmos sentimentos que sentia com M. Delly e Eugenia Marlitt - excluindo toda a parte sexy dos livros, porque as outras eram completamente puritanas. -

    Ana P.M. ♛ Queen Reader - Venha conhecer o Castelo!
    http://booksandcrowns.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir