Welcome



INICIO
EDITORAS PARCEIRAS
BLOGS PARCEIROS
BOOKLIST
LINK-ME
SELINHOS
CONTATO

11 agosto 2014

Resenha do Leitor #11 - Todo Dia - David Levithan

 

Todo Dia - David Levithan

Sinopse:

Neste novo romance, David Levithan leva a criatividade a outro patamar. Seu protagonista, A, acorda todo dia em um corpo diferente. Não importa o lugar, o gênero ou a personalidade, A precisa se adaptar ao novo corpo, mesmo que só por um dia. Depois de 16 anos vivendo assim, A já aprendeu a seguir as próprias regras: nunca interferir, nem se envolver. Até que uma manhã acorda no corpo de Justin e conhece sua namorada, Rhiannon. A partir desse momento, todas as suas prioridades mudam, e, conforme se envolvem mais, lutando para se reencontrar a cada 24 horas, A e Rhiannon precisam questionar tudo em nome do amor.

Resenha:

Todo dia em um momento diferente.

Como você se sentiria acordando todo dia em um corpo, uma vida diferente. Se sentiria confuso, solitário? E as vidas anteriores a essa? Não sentiria falta delas? Nunca poder ter uma vida só sua?

É assim que nosso protagonista se sente. O seu nome é A. Simples assim. Ele não tem gênero, raça, cor, opção sexual. Tem que viver de corpo em corpo. Se ajustar todos os dias é bem complicado. Ele não tem controle para qual corpo vai no dia seguinte. Apenas acontece. Com isso ele criou regras para que não venha a bagunçar a vida do dono do corpo.
Primeira: Nunca se apegar.
Segunda: Jamais interferir.

"Todo dia sou uma pessoa diferente. Eu sou eu, sei que sou. Mas também outra pessoa. Sempre foi assim." página 7

Até que um dia, essa condição se torna ainda mais complicada. O amor acontece. Ele acaba se apaixonando pela namorada de Justin, um de seus habitantes.
Rhiannon é uma garota doce que namora Justin, um rapaz um tanto ausente. Os dois tem um relacionamento complicado. A tenta de alguma forma confortar Rhiannon, sendo Justin por um dia, mas o que ele não sabe é que no que isso acarretará para ele.

"Acordo pensando no dia de ontem. Lembrar me deixa feliz, mas dói saber que foi ontem." página 30

Mesmo acordando em outro corpo no dia seguinte, A não consegue esquecer Rhiannon. E ao longo dos dias, ele tanta se aproximar dela novamente, mesmo estando em um corpo diferente. Mas isso trás consequências para cada corpo que ele habita. E ainda tem a questão: como se relacionar com alguém nas condições que A se encontra? Mesmo com todos os empecilhos possíveis A decide quebrar as regras e tentar viver o amor.

“- Como posso dizer não? – pergunta ela - Estou morrendo de curiosidade para ver quem você vai ser a seguir.
Sei que é uma piada, mas tenho que responder.
- Sempre vou ser A.
Ela levanta e me beija na testa.
- Eu sei. – diz. – É por isso que quero te ver.” Página 179

Abaixo o meu quote favorito:

“Queria que o amor conquistasse tudo. Mas o amor não conquista tudo. Ele não pode fazer nada sozinho.
Ele depende de nós para conquistar em seu nome.” Página 242

No começo, eu não estava gostando, mas depois da página 72 a história ficou mais interessante. Não se engane achando que no livro só existe o romance entre A e Rhiannon. O livro tem muito mais que isso. Esse livro não se prende aos estereótipos da nossa sociedade.A cada novo corpo, nosso protagonista tem uma nova vida. Uma pessoa negra, rica, gorda, homossexual, atlética, pobre, problemática, certinha, etc. E conhecer cada uma delas me deu um prazer imenso. Temos todos os tipos de pessoas nesse livro. Temos uma pessoa diferente a cada dia, com uma visão de mundo diferente, o que torna a leitura interessante, instigante. O autor soube nos mostrar as características, medos e anseios de várias pessoas.

E o final é de apertar o coração. É um belo livro. Cheio de ensinamentos. O final foi tipo... Mas não paro de pensar que com esse final, não teria um segundo livro. Quem sabe?



 RESENHA FEITA POR: Crislane Barbosa.


Título: Todo Dia
Autor: David Levithan
Editora: Editora Record
Páginas: 280

20 comentários:

  1. Oi, Lauri e oi Crislane.

    Quero muito ler Todo o Dia. Realmente as opiniões são sempre positivas. Já li outros livros do autor e gostei mt da escrita dele.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kel!
      A escrita do autor é bem gostosinha. E ele coloca esses contextos diferentes e fica bem legal. Estou curiosa para ler "Invisível".

      Beijão!

      Excluir
  2. Oi meninas,
    O livro parece ter uma ótima mensagem social, gostei bastante da premissa.
    Ainda não li nada do autor, mas anda me conquistando pelos assuntos 'tapa na cara' haha

    P,S: obrigada pelo elogio ao layout, o Banguela é um fofo mesmo ♥

    bjs
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nana!
      Os livro do autor tem esse lado de "tapa na cara" sim. E ele escreve de forma leve, o que dá gosto de ler.

      Beijão!

      Excluir
  3. Eu já li esse livro e gostei bastante, é muito bacana e com uma premissa completamente original. Amo de carteirinha <3.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Inês!
      Que bom que gostou do livro! Tem outro livro dele vindo, que tem esse mesmo diferencial: Invisível. Vou quer ler!

      Beijão!

      Excluir
  4. oie Cris e Lauri
    essa é a segunda resenha do livro que leio hoje. Eu amei o livro desde a primeira página. Chorei, me emocionei, e sofri junto com A.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jacqueline!
      Não consegui me envolver de cara, mas depois foi só emoção. Esse livro é de partir o coração!

      Beijão!

      Excluir
  5. Esse livro parece ser interessante demais, fiquei curiosa para fazer essa leitura.
    Resenha ótima, adorei.
    beeijos
    http://cookierobsten.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Não tenho muita vontade de ler o livro. Parece meio paradinho e gosto de livros bem agitados haha

    Beijos,
    Larissa

    Vitamina de Pimenta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Larissa!
      Para você que gosta de livro agitados, esse não é uma boa pedida mesmo. Mas se gosta de chick lits bem engraçados, tem o livro "Lembra de mim?". ;)

      Beijão!

      Excluir
  7. Crislane, tenho esse livro a muito tempo e não o tirei da embalagem. Sei lá, essa coisa de todo dia em um corpo...estranho. Mas, todos falam tão bem que comprei, só não consegui ler. Agora com você lendo sei que há algo de especial, pois sempre que indica livros, são bons e gosto. Então vou lê-lo. Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Oliveira!
      *.* Obrigada pelo carinho!
      Esse livro é bem singelo e fofo. Também fiquei receosa sobre essa mudança de corpo, mas depois, quando você vê A em cada pessoa, de como cada pessoa é diferente, isso deixou as coisas interessantes.
      Leia e depois me conte. ;)

      Beijão!

      Excluir
  8. Uaaau, que resenha! Adorei! Já vi muitos comentários positivos em relação à esse livro e morro de vontade de lê-lo... hehehe =D

    Até mais!
    Math // de-livro-em-livro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. adoro resenha dos leitores! se um dia eu tiver um tempinho, mando uma resenha pro seu blog! seria legal participar. kkk a sinopse desse é bem interessante! gostei.

    blogtrashrock.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mah.
      Será um prazer receber sua resenha. Mande sim. :)

      Excluir
    2. Oi Mah!
      Esse momento de poder dividir nossa sensação perante um livro é tão boa. ^^

      Beijão!

      Excluir