Welcome



INICIO
EDITORAS PARCEIRAS
BLOGS PARCEIROS
BOOKLIST
LINK-ME
SELINHOS
CONTATO

26 junho 2014

Resenha #152 - A Corte do Ar - Jackelian - Livro 01 - Stephen Hunt

 
 

A Corte do Ar - Jackelian - Livro 01 - Stephen Hunt

Sinopse:

“Quando a órfã Molly Templar testemunha um assassinato brutal no bordel onde foi colocada como aprendiz, seu primeiro instinto é correr de volta para o orfanato em que cresceu. Ao chegar lá e encontrar todos os seus amigos mortos, percebe que ela era o verdadeiro alvo, pois seu sangue contém um segredo muito cobiçado pelos inimigos do Estado. Enquanto isso, Oliver Brooks é acusado pela morte do tio, seu único familiar, e forçado a fugir na companhia de um misterioso agente da Corte do Ar. Perseguido pelo país, Oliver se vê cercado de ladrões, foras da lei e espiões, e pouco a pouco desvenda o segredo que destruiu sua vida. Molly e Oliver são confrontados por um poder antigo que se julgava destruído há milênios e que agora ameaça a própria civilização. Seus inimigos são implacáveis e numerosos, mas os dois órfãos terão a ajuda de um formidável grupo de amigos nesta aventura cheia de ação, drama e intriga. ”

Resenha 

" A mente é a coisa mais difícil de aprimorar e a mais fácil de desperdiçar. "

Nesse livro o começo vai pela capa. É linda e cara.
Olhando para ela, imagino alguém dentro de uma corveta, ou de um balão dirigível brechando pela escotilha, vendo apenas um dirigível, pequeno e esverdeado, com hélices de helicóptero, sobrevoando uma mega cidade.
E antes de me aventurar a ler as 544 páginas, tenho que decorar um glossário particular ao livro.
Sem memorizá-lo ficarei “voando” sobre a história. Não gosto dessa perspectiva.
Toda essa balburdia fictícia, onde humanos se misturam com maquinas que falam, outros seres têm poderes sobrenaturais, bebidas alucinógenas, brumas que aspiradas dão super poderes... isso tudo é A Corte do Ar.
A Corte do Ar, que dá nome a esse livro é também chamada de “Observadores dos Céus”.

Uma organização que vive nas nuvens, que policia e vigia o Reino Chacália.
Existindo outros reinos separados por um Muro Maldito.
Há uma rixa, algo mal resolvido entre os países Quatérturno e Chacália.
Molly Templar e Oliver Brooks são órfãos super especiais, pois com “seus sangues”, podem mudar toda a estrutura de vida, política, filosófica, religiosa, transformando o mundo hostil em que vive em algo pacato e desejável como o sistema político, da Comunidade da Partilha Comum.
Mas até que os órfãos destemidos se encontrem, os cidadãos, a família real, a guarda real manipuladora, dos políticos e da policia, sofreram os descasos da corrupção.

Foi um sacrifício tremendo terminar de ler esse livro.
A capa é simplesmente linda, mas a história não me deixou fissurada nem curiosa para concluí-la. Talvez porque esperasse mais, um pouco de romance e menos ação rs.
A história não é ruim ok? Mas para mim não deu.
Li muitas resenhas positivas e também negativas sobre o livro, mas cada um com sua opinião.

  " Somos os fantasmas da máquina, Oliver, mantemos esse estranho jogo e os corações puros."

Título: A Corte do Ar
                                          Autor(a): Stephen Hunt
                                        Editora: Saída de Emergência
                                         Número de Páginas: 544

9 comentários:

  1. Olá, como está?
    Estava tão animado para ler esse livro, mas ainda nem comprei.
    Uma pena você não ter gostado tanto.
    A capa dele é linda mesma.
    Qualquer hora vou comprar e dar uma chance.

    http://enquantoestavalendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marcelo.
      A capa é linda, mas a história não me agradou muito. :(

      Excluir
  2. Eu estava morrendo de vontade de ler esse livro, parece ótimo e me animei, porém, como não sou parceira, me falta o dimdim :'c haha

    Beijos,
    Larissa

    - Vitamina de Pimenta -

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amiga.
      Eu coloquei ele pra troca, se vc quiser, me avisa. :)

      Excluir
  3. Oi Lauri!
    Eu não sei se realmente quero ler este livro.
    Parece ser um livro bom, mas que não prende mesmo. Adoro a capa, mas isso não o suficiente para me fazer querer lê-lo.
    É uma pena que não tenha funcionado contigo. :(
    Ah, obrigado pelo comentário sincero na minha resenha de "Os Três". Eu realmente busco ser sincero sempre. rs
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leandro.
      Infelizmente foi meio decepcionante esse livro, mas talvez por eu não curtir o gênero. Isso acontece. :)

      Excluir
  4. Oi Lauri,
    A capa desse livro e realmente muito bonita, mas seu enredo não me fisgou então acredito que não vou lê-lo.

    *bye*
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marla.
      Foi exatamente o que aconteceu comigo. A história não me prendeu. :(

      Excluir
  5. Oi!
    Não li o livro, mas sei como se sentiu.
    Existem livros que não são nosso estilo e acabam não agradando. :/
    Beijão!

    ResponderExcluir